33.9 C
Alta Floresta
sexta-feira, 12 julho, 2024

FASE FINAL: Deputado pede prorrogação de CPI para concluir investigação contra empresas de telefonia

Compartilhe:

Assessoria
O presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito da Assembleia Legislativa de Mato Grosso (CPI) da Telefonia Móvel, deputado Diego Guimarães (Republicanos) apresentou um Requerimento durante a reunião de hoje (21) propondo a prorrogação por mais 180 dias dos trabalhos. A Comissão Parlamentar tem o parecer da Procuradoria da Casa para prorrogar o prazo. Agora o requerimento vai para votação em Plenário na próxima quarta-feira (27).
“Toda CPI tem que seguir à risca o Regimento Interno para não ocorrer ilegalidade e prejudicar futuramente os trabalhos da Comissão. Para que não ocorra nenhuma irregularidade, consultamos a Procuradoria da Casa apresentando nossas propostas e temos um parecer do órgão concordando com a prorrogação por mais 180 dias. Agora vamos submeter esse documento ao Plenário solicitando mais esse prazo, que, entendo ser suficiente para concluir o relatório final”, falou Guimarães.
Para o relator, deputado dr. Eugênio (PSB), a CPI necessita de um prazo maior para conclusão dos trabalhos. Na opinião dele, a prorrogação será benéfica para dar sequência às oitivas.
“A proposta é de ouvir novamente representantes das operadoras, para saber porque os serviços não avançaram em várias regiões do Estado. A expectativa é de que em 180 dias consigamos transformar o relatório num raio x do que está acontecendo com a telefonia no Estado de Mato Grosso. Neste período da CPI, nós conseguimos ter um avanço muito grande em vários locais, mas existe ainda um vazio que temos que mostrar por que os serviços estão precários”, lembrou o deputado.
O parlamentar avalia que CPI tem colhido bons frutos e afirma que a equipe técnica da Comissão percebeu que os trabalhos das operadoras em Mato Grosso melhoraram na qualidade da prestação de serviço. “Porém, ainda não estamos satisfeitos e falta muito para chegarmos onde desejamos, pois, a CPI pode avançar ainda mais e, por isso, entendemos que precisamos de um prazo maior para elaboração do relatório final”, falou Guimarães.
Para ilustrar os avanços, o deputado citou como exemplo, duas comunidades rurais que conseguiram acesso ao sinal de celular por conta dos trabalhos desenvolvidos pela equipe técnica da CPI. A primeira delas a receber o benefício foi a Agrovila das Palmeiras, que fica no município de Santo Antônio do Leverger, e recentemente, a população do distrito de Bom Jardim, em Nobres.
“Tive uma felicidade enorme quando recebi o telefonema de um proprietário de uma pousada em Bom Jardim, que me disse que era a primeira ligação feita pela torre de telefonia móvel daquele local. Está funcionando o celular em Bom Jardim, era um sonho que tínhamos de anos”, disse o parlamentar.
“Isso demonstra que a CPI da Telefonia está funcionando. É claro que temos outros locais que precisamos avançar mas, aos poucos, os resultados começam a aparecer. Somente no ano passado foram mais de 200 ordens de serviços dadas, com investimentos das empresas em Mato Grosso em aproximadamente 100 milhões de reais com melhorias de fiação e instalações de novos pontos de reprodução de sinais, mas tem muito que avançar. Telefonia móvel e internet não é artigo de luxo, mas necessidade”, afirmou Guimarães.

Alta Floresta
céu limpo
33.9 ° C
33.9 °
33.9 °
36 %
4.6kmh
0 %
sex
37 °
sáb
37 °
dom
37 °
seg
37 °
ter
38 °

Últimas notícias

Artigos relacionados

DESAPARECEU EM MAIO: Homem encontrado morto em carro perdeu R$ 200 mil no ‘Tigrinho’ Yuri Ramires e Vithória Sampaio

Gazeta Digital Marcos Roberto Machado, 52, encontrado morto em estado de decomposição em um Fiat Mobi na tarde de...

COMBATE AO CRIME: Polícia Militar apreende 3,9 mil quilos de drogas no primeiro semestre de 2024

Hallef Oliveira PMMT A Polícia Militar de Mato Grosso apreendeu 3,9 toneladas de entorpecentes em todo o Estado e conduziu...

Vai entrar em recesso

E a partir da semana que vem o Poder Legislativo de Alta Floresta estará em recesso parlamentar. Não...

Desclassificada empresa – II

O legislador ao falar da possível desclassificação, apontou falhas e principalmente a morosidade da obra que é executada...
Feito com muito 💜 por go7.com.br