36.9 C
Alta Floresta
sexta-feira, 12 julho, 2024

TRAGÉDIA EM SANTIAGO: Alta-florestense e parentes mortos em vazamento de gás continuam no Chile

Compartilhe:

Adriane com o marido e a cunhada com a família morreram por intoxicação

Por Arão Leite
Alta Floresta/MT – Uma tragédia que matou seis turistas brasileiros em Santiago, capital do Chile é investigada pelas autoridades chilenas e acompanhada pela embaixada brasileira. A tragédia aconteceu essa semana vitimando seis pessoas, sendo elas Adriane Padilha Kruger, o marido Jonathas Muniz, a irmã dele Débora Nascimento, o cunhado Fabiano Nascimento com os filhos Felipe e Carol.
Os adolescentes tinham 13 e 14 anos respectivamente. Carol como era chamada, completaria seus 15 anos nesta sexta-feira. “Ela não queria uma festa e então pediu a viagem”, contou uma pessoa ligada à família, salientando que os dois casais e os adolescentes passariam uma semana passeando pelo Chile e Argentina.
A viagem já seria interrompida antes em decorrência da morte da mãe de Jonathas e Débora. Todos tinham, decidido retornar ao Brasil mais cedo e na noite de terça-feira para quarta, após passeio pela neve e apreciando pontos turísticos de Santiago, retornaram para o apartamento arrendado ao grupo. Durante à noite no entanto teria ocorrido o vazamento de gás, mas ninguém percebeu.
Débora quando acordou já de madrugada, passando mau, notou todas as camas com vômitos, resultado de convulsões sofridas pelos parentes. Ela então entrou em contato com os parentes no Brasil relatando a situação, que o irmão estava desmaiado no banheiro, a cunhada quase desmaiando na cama, os filhos desacordados e o marido ainda lhe ajudando.
Autoridades chilenas foram acionadas. Corpo de Bombeiros, foi ao local, mas quando a porta do apartamento foi arrombada, todos já estavam sem vida. Os corpos foram levados para o IML e o reconhecimento oficial ainda não tinha sido feito até esta sexta-feira pela manhã. A liberação e traslado deve ocorrer segundo a família em até dez dias.
Adriane é nascida em Alta Floresta, filha caçula dos produtores rurais Delcio e Claudia Kruger, moradores de uma propriedade rural na MT-325 e pioneiros na região. Os pais estão em choque assim como toda a família. Ela e o marido estavam morando em Ortolândia, estado de São Paulo. Debora e Fabiano residiam com os filhos em Florianópolis, Santa Catarina. A morte dos turistas brasileiros continua a repercutir internacionalmente.

Alta Floresta
céu pouco nublado
36.9 ° C
36.9 °
36.9 °
25 %
4.1kmh
20 %
sex
36 °
sáb
37 °
dom
37 °
seg
37 °
ter
38 °

Últimas notícias

Artigos relacionados

DESAPARECEU EM MAIO: Homem encontrado morto em carro perdeu R$ 200 mil no ‘Tigrinho’ Yuri Ramires e Vithória Sampaio

Gazeta Digital Marcos Roberto Machado, 52, encontrado morto em estado de decomposição em um Fiat Mobi na tarde de...

COMBATE AO CRIME: Polícia Militar apreende 3,9 mil quilos de drogas no primeiro semestre de 2024

Hallef Oliveira PMMT A Polícia Militar de Mato Grosso apreendeu 3,9 toneladas de entorpecentes em todo o Estado e conduziu...

Vai entrar em recesso

E a partir da semana que vem o Poder Legislativo de Alta Floresta estará em recesso parlamentar. Não...

Desclassificada empresa – II

O legislador ao falar da possível desclassificação, apontou falhas e principalmente a morosidade da obra que é executada...
Feito com muito 💜 por go7.com.br