33.9 C
Alta Floresta
sexta-feira, 12 julho, 2024

“TÔ NEM AÍ”: Deputado de MT aponta “circo” em audiência e faz acusações contra ONGs

Compartilhe:

José Medeiros havia sido detonado por Tuíra Kayapó em audiência na Câmara

“TÔ NEM AÍ”
Deputado de MT aponta “circo” em audiência e faz acusações contra ONGs
José Medeiros havia sido detonado por Tuíra Kayapó em audiência na Câmarados os canais internacionais, filmando dizendo que eu estava defendendo que houvesse uma exploração econômica das terras indígenas, distorceram a minha fala”, critica José Medeiros sobre os participantes da audiência realizada no dia 25 deste mês para debater as consequências da Medida Provisória (MP) 870/2019, que desmontou a Fundação Nacional do Índio (Funai).
Medeiros defende que os indígenas façam o que quiser com suas terras. “Não estou defendendo que branco fique lá dentro. Estou defendendo que quem quiser ficar o dia inteiro de papo pro ar sem fazer nada, que fique. E que o Estado também pare de mandar dinheiro, não vá lá, que ninguém se meta nas terras deles. Agora, àquele que quiser produzir que possa ter todas as garantias de que o Estado também não vai intervir”, diz o deputado.
Sobre a liderança Tuíra Kayapó, personagem histórica que já se envolveu em outras polêmicas com políticos em defesas de causas indígenas, Medeiros a classifica como uma farsa. “A proposta deles é querer, eles usam aquela senhora lá que é uma figura caricata que fez aquele circo lá. Ela entendeu muito bem o que eu falei em português. Ela se mete a falar em Kayapó pra chamar atenção, é um circo, um circo armado, um teatro aquilo lá”, rebate.
Por fim, o parlamentar deixa claro que não está preocupado com qualquer repercussão negativa envolvendo seu nome por externar seu posicionamento sobre o assunto. “Então, eu não tou nem aí com o que essas pessoas vão pensar. Não estou lá pra agradar ninguém. Estou lá pra defender o Estado de Mato Grosso. Agora, se continuar essas coisas, essas mesmas pessoas que estão defendendo que eles não devem produzir nada econômico são as mesmas que apoiam que os índios invadam as rodovias pra cobrar pedágio de cada carro que passa a R$ 50. Bom, se não quer o econômico pra que pedágio então, é o que eu tenho a dizer”, encerrou o deputado.

Alta Floresta
céu limpo
33.9 ° C
33.9 °
33.9 °
36 %
4.6kmh
0 %
sex
37 °
sáb
37 °
dom
37 °
seg
37 °
ter
38 °

Últimas notícias

Artigos relacionados

DESAPARECEU EM MAIO: Homem encontrado morto em carro perdeu R$ 200 mil no ‘Tigrinho’ Yuri Ramires e Vithória Sampaio

Gazeta Digital Marcos Roberto Machado, 52, encontrado morto em estado de decomposição em um Fiat Mobi na tarde de...

COMBATE AO CRIME: Polícia Militar apreende 3,9 mil quilos de drogas no primeiro semestre de 2024

Hallef Oliveira PMMT A Polícia Militar de Mato Grosso apreendeu 3,9 toneladas de entorpecentes em todo o Estado e conduziu...

Vai entrar em recesso

E a partir da semana que vem o Poder Legislativo de Alta Floresta estará em recesso parlamentar. Não...

Desclassificada empresa – II

O legislador ao falar da possível desclassificação, apontou falhas e principalmente a morosidade da obra que é executada...
Feito com muito 💜 por go7.com.br